🥑 3 passos simples para perder peso o mais rápido possível.

Benefícios do mangostão para a saúde

11 benefícios do mangostão para a saúde e como comê-lo

O mangostão é uma fruta tropical agridoce única que pode oferecer vários efeitos benéficos. Este artigo analisa 11 benefícios do mangostão para a saúde e como comê-lo.

Baseado em evidências
Este artigo é baseado em evidências científicas, escritas por especialistas e verificadas por especialistas.
Olhamos para os dois lados do argumento e nos esforçamos para ser objetivos, imparciais e honestos.
Última atualização em 25 de fevereiro de 2022 e última revisão por um especialista em 25 de outubro de 2021.

O mangostão (Garcinia mangostana) é uma fruta tropical exótica com um sabor ligeiramente agridoce.

É originário do sudeste da Ásia, mas pode ser encontrado em várias regiões tropicais ao redor do mundo.

O fruto é por vezes referido como mangostão roxo devido à cor púrpura profunda que a sua casca desenvolve quando maduro. Em contraste, a polpa interna suculenta é de um branco brilhante.

Embora o mangostão seja uma fruta relativamente obscura, não deve ser esquecido, pois pode oferecer muitos benefícios à saúde devido ao seu rico suprimento de nutrientes, fibras e antioxidantes exclusivos.

Aqui estão 11 benefícios para a saúde do mangostão.

1. O mangostão é altamente nutritivo

O mangostão é relativamente baixo em calorias, mas fornece muitos nutrientes essenciais.

Uma porção de 1 xícara (196 gramas) de ofertas de mangostão escorrido e enlatado:

As vitaminas e minerais do mangostão são importantes para a manutenção de muitas funções corporais, incluindo produção de DNA, contração muscular, cicatrização de feridas, imunidade e sinalização nervosa.

Além disso, uma única xícara (196 gramas) desta fruta fornece quase 14% do RDI para fibras - um nutriente que muitas vezes falta na dieta das pessoas.

Sugerido para você: Bok choy: Nutrição, benefícios, riscos, e como comê-la

Resumo: O mangostão fornece uma variedade de vitaminas, minerais e fibras essenciais, embora seja baixo em calorias. Esses nutrientes são importantes para manter muitas funções em seu corpo.

2. O mangostão é rico em antioxidantes poderosos

Talvez um dos atributos mais significativos do mangostão seja o seu perfil antioxidante único.

Os antioxidantes são compostos que podem neutralizar os efeitos prejudiciais de moléculas potencialmente prejudiciais chamadas radicais livres, que estão ligados a várias doenças crônicas.

O mangostão contém vários nutrientes com capacidade antioxidante, como a vitamina C e o ácido fólico. Além disso, fornece xantonas - um tipo único de composto vegetal conhecido por ter fortes propriedades antioxidantes.

Em vários estudos, a atividade antioxidante das xantonas resultou em efeitos antiinflamatórios, anticâncer, antienvelhecimento e antidiabéticos.

Assim, as xantonas do mangostão podem ser responsáveis por muitos dos seus benefícios potenciais para a saúde. Ainda assim, mais pesquisas humanas são necessárias antes que conclusões definitivas possam ser tiradas.

Resumo: O mangostão contém vitaminas com capacidade antioxidante, bem como uma classe única de compostos antioxidantes conhecidos como xantonas.

3. O mangostão pode ter propriedades antiinflamatórias

As xantonas encontradas no mangostão podem desempenhar um papel na redução da inflamação.

Sugerido para você: Mandioca: Nutrientes, benefícios, desvantagens, usos e muito mais

Estudos em tubos de ensaio e animais sugerem que as xantonas têm um efeito antiinflamatório e podem reduzir os riscos de doenças inflamatórias, como câncer, doenças cardíacas e diabetes.

O mangostão também é rico em fibras, o que oferece vários benefícios. Por exemplo, algumas pesquisas com animais indicam que um dieta rica em fibras pode ajudar a reduzir a resposta inflamatória do seu corpo.

The World's most trusted place to buy and sell cryptocurrency Get $10 in free Bitcoin for singing up. Sign up and get $10

Embora esses dados sejam encorajadores, mais pesquisas são necessárias para entender melhor como o mangostão afeta a inflamação e a progressão da doença em humanos.

Resumo: Compostos vegetais e fibras no mangostão podem ter efeitos antiinflamatórios de acordo com pesquisas com animais. Mais estudos são necessários para entender como essa fruta pode reduzir a inflamação em humanos.

4. O mangostão pode ter efeitos anticâncer

Estudos populacionais mostram que dietas ricas em vegetais e frutas como o mangostão estão associadas à redução da incidência de câncer.

Compostos vegetais específicos do mangostão - incluindo xantonas - têm efeitos antioxidantes e antiinflamatórios, que podem ajudar a combater o desenvolvimento e disseminação de células cancerosas.

Sugerido para você: Sementes de girassol: nutrição, benefícios para a saúde e como comê-las

Vários estudos em tubo de ensaio revelam que as xantonas podem inibir o crescimento de células cancerígenas, incluindo no tecido mamário, estomacal e pulmonar.

Da mesma forma, um pequeno número de estudos observou que este composto pode retardar a progressão do câncer de cólon e mama em camundongos.

Embora esses resultados sejam promissores, pesquisas insuficientes foram feitas em humanos.

Resumo: Pesquisas em tubos de ensaio e animais indicam que as xantonas do mangostão podem proteger contra o câncer. No entanto, falta pesquisa em humanos de alta qualidade neste tópico.

5. O mangostão pode promover perda de peso

Na indústria de saúde e bem-estar, uma das maiores reivindicações do mangostão à fama é seu potencial para ajudar perda de peso.

Um estudo descobriu que os ratos com uma dieta rica em gordura que receberam doses suplementares de mangostão ganharam significativamente menos peso do que os ratos do grupo de controle.

Da mesma forma, em um pequeno estudo de 8 semanas, as pessoas que suplementaram suas dietas com 3, 6 ou 9 onças (90, 180 ou 270 ml) de suco de mangostão duas vezes ao dia tenderam a ter um índice de massa corporal (IMC) menor do que o grupo de controle.

Sugerido para você: Fruta Rambutan: Nutrição, benefícios para a saúde e como comê-la

Pesquisas adicionais sobre o mangostão e a obesidade são limitadas, mas os especialistas teorizam que os efeitos antiinflamatórios da fruta desempenham um papel na promoção do metabolismo da gordura e na prevenção do ganho de peso.

Em última análise, são necessários mais estudos para entender melhor como o mangostão pode se encaixar em um plano de perda de peso eficaz.

Resumo: Algumas pesquisas em animais e humanos sugerem que o mangostão pode desempenhar um papel na perda de peso e na prevenção da obesidade. Ainda assim, mais estudos são necessários.

6. O mangostão auxilia no controle de açúcar no sangue

Os estudos em tubos de ensaio e em animais mostram que os compostos de xantona no mangostão podem ajudá-lo a se manter saudável níveis de açúcar no sangue.

Um estudo recente de 26 semanas em mulheres obesas descobriu que aquelas que receberam 400 mg de extrato de mangostão suplementar diariamente tiveram reduções significativas na resistência à insulina - um fator de risco para diabetes - em comparação com o grupo de controle.

A fruta também é uma boa fonte de fibra, um nutriente que pode ajudar a estabilizar o açúcar no sangue e melhorar o controle do diabetes.

A combinação do conteúdo de xantona e fibra no mangostão pode ajudar a equilibrar o açúcar no sangue. No entanto, mais pesquisas são necessárias.

Resumo: Os compostos vegetais e as fibras do mangostão podem contribuir para a redução do açúcar no sangue. Ainda assim, a pesquisa atual é insuficiente.

7. O mangostão promove um sistema imunológico saudável

Fibra e vitamina C - ambas encontradas no mangostão - são importantes para um sistema imunológico saudável.

Sugerido para você: Carambola: benefícios, riscos e como comê-la

A fibra suporta o seu bactéria intestinal saudável — um componente essencial da imunidade. Por outro lado, a vitamina C é necessária para o funcionamento de várias células do sistema imunológico e tem propriedades antioxidantes.

Além disso, algumas pesquisas sugerem que certos compostos vegetais do mangostão podem ter propriedades antibacterianas - o que poderia beneficiar a saúde imunológica ao combater bactérias potencialmente prejudiciais.

Em um estudo de 30 dias em 59 pessoas, aqueles que tomaram um suplemento contendo mangostão experimentaram marcadores de inflamação reduzidos e aumentos significativamente maiores no número de células imunes saudáveis em comparação com aqueles que tomaram um placebo.

Seu sistema imunológico requer muitos nutrientes diferentes para funcionar de maneira ideal. O mangostão pode ser uma escolha saudável para incluir junto com outros alimentos ricos em nutrientes como parte de uma dieta balanceada.

Resumo: A pesquisa sugere que o mangostão pode aumentar o número de células do sistema imunológico e reduzir a inflamação - aumentando potencialmente a saúde do sistema imunológico.

8. O mangostão ajuda a manter uma pele saudável

Danos na pele causados pela exposição ao sol são uma ocorrência comum em todo o mundo e um dos principais contribuintes para o câncer de pele e sinais de envelhecimento.

Sugerido para você: Benefícios para a saúde do chá Oolong: Nutrição, saúde do coração, e mais

Um estudo em camundongos tratados com extrato de mangostão suplementar observou um efeito protetor contra a radiação ultravioleta-B (UVB) na pele.

Além do mais, um pequeno estudo humano de 3 meses descobriu que pessoas tratadas com 100 mg de extrato de mangostão diariamente experimentaram significativamente mais elasticidade em sua pele e menos acúmulo de um composto específico conhecido por contribuir para o envelhecimento da pele.

Os pesquisadores afirmam que a capacidade antioxidante e antiinflamatória do mangostão é a principal razão para esses efeitos protetores da pele, mas são necessários mais estudos nesta área.

Resumo: A pesquisa sugere que os antioxidantes e compostos antiinflamatórios do mangostão podem proteger as células da pele dos danos associados à exposição ao sol e ao envelhecimento.

9-11. Outros benefícios potenciais do mangostão para a saúde

O mangostão também pode ter um impacto positivo no seu coração, cérebro e sistema digestivo:

Embora esses resultados sejam promissores, faltam estudos em humanos nessas áreas.

Sugerido para você: 7 sintomas do crescimento excessivo de Candida e como se livrar dele

Ainda é muito cedo para fazer afirmações definitivas sobre o papel do mangostão no apoio à saúde do cérebro, do coração e do aparelho digestivo em humanos.

Resumo: A pesquisa sugere que os nutrientes e outros compostos vegetais do mangostão podem apoiar as funções digestivas, cardíacas e cerebrais ideais.

Como comer mangostão

O mangostão é fácil de preparar e comer - embora possa ser difícil de encontrar dependendo de onde você mora. A safra da fruta é relativamente curta, o que muitas vezes limita sua disponibilidade.

Sua melhor aposta é procurá-lo nos mercados asiáticos especializados, mas esteja ciente de que o mangostão fresco pode ser muito caro. Formas congeladas ou enlatadas podem ser mais baratas e fáceis de encontrar - mas esteja ciente de que as versões enlatadas geralmente contêm açúcar adicionado.

A fruta também pode ser encontrada na forma de suco ou como um suplemento em pó.

Se acontecer de você conseguir um suprimento fresco, escolha frutas com uma casca externa roxa escura e lisa. A casca não é comestível, mas pode ser facilmente removida com uma faca serrilhada.

A polpa interna é branca e muito suculenta quando madura. Esta parte da fruta pode ser comida crua ou adicionada a smoothies ou saladas de frutas tropicais para um delicioso impulso de sabor.

Sugerido para você: Você pode perder peso caminhando uma hora por dia?

Resumo: O mangostão fresco pode ser difícil de encontrar, mas as formas congeladas, enlatadas ou em suco são mais comuns. A polpa interna pode ser comida sozinha ou saboreada em um smoothie ou salada.

Por que você deve evitar o mangostão

Muito poucos efeitos adversos à saúde foram relatados com o consumo do mangostão em sua forma completa, e é provavelmente seguro para a maioria das pessoas.

No entanto, as formas mais concentradas - como suplementos, sucos ou pós - não são 100% isentas de riscos.

As primeiras pesquisas sugerem que as xantonas encontradas em suplementos de ervas podem retardar o processo de coagulação do sangue.

Como o mangostão é uma fonte rica em xantonas, pode ser uma boa ideia evitar fontes concentradas dele se você tiver uma condição de coagulação do sangue ou estiver tomando medicamentos para afinar o sangue.

Pesquisas para determinar se os suplementos de mangostão são seguros para mulheres grávidas ou amamentando são insuficientes no momento, então provavelmente é melhor evitá-los durante essas fases da vida.

Sempre consulte seu médico ou outro profissional de saúde qualificado antes de fazer mudanças significativas em sua dieta ou tomar um novo suplemento nutricional.

Resumo: O mangostão é provavelmente seguro para a maioria das pessoas, mas pode aumentar o risco de sangramento. Consulte seu médico antes de tomar um novo suplemento ou mudar drasticamente sua dieta.

Resumo

O mangostão é uma fruta tropical originária do sudeste asiático.

Sugerido para você: Fruta do dragão: nutrição, benefícios e como comê-la

É reverenciado por seus muitos benefícios potenciais à saúde - a maioria dos quais está relacionada ao seu perfil nutricional e conteúdo antioxidante exclusivo. Ainda assim, muitos desses benefícios percebidos ainda precisam ser comprovados cientificamente em estudos humanos.

O mangostão fresco pode ser difícil de encontrar, pois é uma fruta relativamente obscura. Mas as formas enlatadas, congeladas e suplementares são mais comuns.

Seu sabor suculento e delicadamente doce o torna uma adição deliciosa para smoothies e saladas de frutas. Experimente por seu apelo culinário ou potenciais benefícios à saúde - é uma vitória de qualquer maneira.

Compartilhe este artigo:
Compartilhe este artigo: Facebook Pinterest WhatsApp Twitter

Mais artigos de que você pode gostar

Pessoas que estão lendo “Benefícios do mangostão para a saúde” também adoram estes artigos:

Tópicos

Navegue por todos os artigos